Entre em contato

Entretenimento

Manaus recebe festival de circo com programação gratuita

Publicado

em

Manaus (AM) – Manaus realiza o primeiro Festival de Circo do Amazonas, a partir do sábado (2) até o dia 7 de outubro, com espetáculos e oficinas em Manaus. A programação inicia com uma palestra do ator e produtor cultural Marcos Frota. A programação é gratuita.

O secretário de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, afirma que o evento era uma demanda da classe e um compromisso da gestão do governador Wilson Lima.

“Desde o começo desta gestão, temos conversado com todas as categorias e segmentos artísticos, no intuito de encontrar formas de atender melhor a todos. Não foi diferente com o segmento circense. O primeiro Festival de Circo do Amazonas vai reunir diversos artistas em diferentes pontos de Manaus para apresentar e celebrar a arte do circo, que é tão antiga e está sempre se renovando. Esperamos que o público possa apreciar nossos artistas”, declara.

A programação inicia com um workshop do ator, produtor cultural e circense Marcos Frota, sobre o novo lugar do circo brasileiro, no sábado, das 10h ao meio-dia, no Circus Marcos Frota, localizado na avenida Belmiro Vianez, s/nº, bairro Alvorada.

De acordo com o ator, a palestra vai discutir também a atividade circense e a carreira do artista de circo no setor cultural. As inscrições podem ser feitas neste link: https://forms.gle/r4iGodDHdD1Jov9b6.

“Estarei presente para destacar a importância do circo na retomada de atividades presenciais na área da cultura, mas, principalmente, sobre o protagonismo que o circo tem neste momento da vida cultural em todo o nosso país”, revela Frota.

Apresentações

No fim de semana em que se inicia o evento serão realizadas apresentações no Largo de São Sebastião, com o espetáculo de rua do projeto “Roda na Praça”, no sábado (2), e com o espetáculo “Ensaio Geral”, de Klindson Cruz, no domingo (3), ambos às 17h30.

A atriz, produtora cultural e palhaça Ana Oliveira, coordenadora do “Roda na Praça” – projeto independente desenvolvido por vários artistas locais –, explica que o espetáculo reúne números variados da arte circense, como palhaçaria, malabares, truques de mágica, entre outros. Ana acredita que o festival vai mobilizar o público a se interessar mais pela arte do circo no estado.

“O circo é muito diverso, então é muito importante poder abranger todas as linguagens e possibilidades do fazer circense, que vai desde o mais tradicional até artistas de rua, ou até para quem está saindo do teatro e pesquisando sobre o circo. Todos podem celebrar essa arte milenar”, ressalta Ana.

A programação até o dia 7 de outubro ainda conta com performances da Associação dos Artistas Circenses, Artistas do Circo Ramito, o projeto “Roda na Praça” e Grupo Cacompanhia.

As apresentações serão realizadas em diversos pontos da cidade, como o Centro Cultural Barravento, no bairro Praça 14; o Amazon Master Circus, no bairro Aleixo; e o Ramito Circo, no estacionamento do Shopping Via Norte. O encerramento do festival será no Teatro Amazonas.

Para participar das apresentações e oficinas, o público deverá apresentar a carteira de vacinação com duas doses, ou dentro do intervalo para a aplicação da segunda dose. Os locais também permitirão a entrada até 75% da capacidade, conforme decreto do Governo do Amazonas.

Oficinas 

Entre as atividades formativas, ainda estão incluídas oficinas de Monociclo, que acontece no sábado (02/10), com a artista circense venezuelana Teffy Rojas; de Malabares, no domingo (03/10), com Denys Cauper, licenciado em Teatro pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e integrante do projeto “Roda na Praça”; além de Tecido, com o bailarino, performer e artista circense, José Arenas; de Lira Circense, com a bailarina, atriz, acrobata e palhaça Francine Marie, e a oficina de Handstand, com o artista, produtor cultural e educador Jean Winder.

As inscrições para as oficinas são gratuitas e podem ser feitas pela internet. Os links para inscrição estão na programação completa.

Confira a programação:

APRESENTAÇÕES

2 de outubro (sábado), às 17h30

O quê: Espetáculo de rua com o projeto “Roda na Praça”

Local: Largo de São Sebastião, Centro

3 de outubro (domingo), às 17h30

O quê: Espetáculo “Ensaio Geral”, com Klindson Cruz

Local: Largo de São Sebastião, Centro

4 de outubro (segunda-feira), das 9h às 11h

O quê: Show de artistas de circo

Local: Amazon Master Circus, avenida André Araújo, 2.800, Aleixo

5 de outubro (terça-feira), das 9h às 11h

O quê: Show da Associação dos Artistas Circenses

Local: Ramito Circo, no estacionamento do Shopping Via Norte, avenida Arquiteto José Henrique Bento Rodrigues, 3.760, bairro Monte das Oliveiras

6 de outubro (quarta-feira), das 9h às 11h

O quê: Show da Associação dos Artistas Circenses

Local: Ramito Circo

7 de outubro (quinta-feira)

Das 9h às 11h

O quê: Show da Associação dos Artistas Circenses

Local: Ramito Circo

20h

O quê: Encerramento com o grupo Cacompanhia

Local: Teatro Amazonas, avenida Eduardo Ribeiro, Centro

Necessário agendamento pelo Portal da Cultura (cultura.am.gov.br)

OFICINAS

2 de outubro (sábado)

Das 10h ao meio-dia

O quê: Palestra com o ator Marcos Frota

Local: Circus Marcos Frota, avenida Belmiro Vianez, s/nº, Alvorada

Link para inscrição: https://forms.gle/r4iGodDHdD1Jov9b6

Das 14h às 17h

O quê: Oficina de Monociclo, com Teffy Rojas

Local: Centro Cultural Barravento – avenida Jonathas Pedrosa, nº 1166, Praça 14 de Janeiro

Link para inscrição: https://forms.gle/7yvXKWbcB6HXWHPN8

3 de outubro (domingo), das 14h às 17h

O quê: Oficina de Malabares, com Denys Cauper

Local: Centro Cultural Barravento

Link para inscrição: https://forms.gle/cVqQppsYLmMTZrKL9

4 de outubro (segunda-feira), das 14h às 17h

O quê: Oficina de Tecido, com José Arenas

Local: Centro Cultural Barravento

Link: https://forms.gle/CxhGy83m7CmMSZ2aA

5 de outubro (terça-feira), das 14h às 17h

O quê: Oficina de Lira, com Francine Marie

Local: Centro Cultural Barravento

Link: https://forms.gle/wJAuttUF2S6wEhrG8

6 de outubro (quarta-feira), das 14h às 17h

O quê: Oficina de Handstand, com Jean Winder

Local: Centro Cultural Barravento

Link: https://forms.gle/qPSuTRMyPUbZxp7h8

 

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entretenimento

Boi Manaus agita fim de semana em celebração aos 352 anos da Metrópole da Amazônia

Os shows começam nesta sexta-feira (22) e seguem até domingo (24), a partir das 18h, no Sambódromo, Zona Oeste

Publicado

em

Manaus (AM) – A  23ª edição do Boi Manaus agitará o fim de semana em comemoração aos 352 da capital amazonense. Os shows começam nesta sexta-feira (22) e seguem até domingo (24), a partir das 18h, no Sambódromo, Zona Oeste.

A festa terá apresentações de David Assayag, Sebastião Júnior, Israel Paulain, Arlindo Neto, Márcia Siqueira, Klinger Júnior, Prince do Caprichoso, Carlos Batata, Boi-Bumbá Corre-Campo, Boi-Bumbá Garanhão, Boi-Bumbá Brilhante, entre outros.

A abertura do primeiro dia de evento será com os artistas do “The Voice”, Davi Lucas, seguido por Raylla Araújo e Izabelle Ribeiro. Depois, a música gospel ganha o palco com a apresentação de bandas do segmento artístico.

Também será feito uma homenagem aos profissionais que atuaram na linha de frente no combate à pandemia da Covid-19, e os agentes de saúde, de inumação e funerários são destaque.

Na virada do dia 23 para o dia 24, data do aniversário de Manaus, será cantado os parabéns à cidade nas vozes de Sebastião Júnior, Márcia Siqueira, Prince do Caprichoso e Mara Lima, com queima de fogos e bolo cenográfico.

Agendamento

O acesso às festividades será mediante agendamento pelo Portal da Cultura (cultura.am.gov.br), limitado a três mil pessoas por noite, sendo maiores de 12 anos de idade. É necessário estar com o esquema vacinal completo com as duas doses ou dose única contra a Covid-19, e ainda apresentação obrigatória de teste apontando negativo para a doença, para aqueles que tomaram a vacina há menos de 15 dias até a data do evento comemorativo.

Prevenção e cuidados

O local do evento conta com estrutura suficiente para manter o distanciamento necessário e seguir todos os protocolos apontados pelos órgãos de saúde. Não será permitida a entrada de pessoas sem comprovação do esquema vacinal completo, tão pouco sem o teste apontando negativo para a doença, nos casos de aplicação da segunda dose com menos de 15 dias.

Outras atividades

No pacote artístico-cultural em comemoração aos 352 anos de Manaus, o público também pode conferir a mostra indígena “Meu Povo”, que conta com pesquisa e curadoria do doutor em antropologia cultural João Paulo Barreto Tukano e da artista plástica, Monik Ventilari, e tem por objetivo resgatar a história e costumes de nossos ancestrais, por meio da exposição de artesanatos, cestarias, quadros, esculturas orgânicas e objetos entalhados.

Ela está aberta à visitação de segunda a sexta, das 9h às 16h, no Centro Cultural Palácio Rio Branco, na avenida 7 de Setembro, Centro Histórico de Manaus. É necessário agendamento prévio pelo site do Concultura (concultura.manaus.am.gov.br).

A programação de aniversário da cidade de Manaus conta ainda com a reabertura de equipamentos culturais, como o Pavilhão Universal, localizado na praça Tenreiro Aranha, Centro, que está abrigando a exposição “Reflexos do Cotidiano”, do artista plástico Arnaldo Garcês. A visita ao local é livre, e acontece de segunda a sexta, das 9h às 17h, até o dia 27 de outubro.

Trânsito e transporte

O Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) vai realizar o controle viário de trânsito nos dias de realização do Boi Manaus 2021, nas áreas próximas ao sambódromo.

Cerca de 60 agentes de trânsito vão monitorar as vias e orientar os motoristas sobre estacionamentos e circulação. O monitoramento será de 16h às 3h, durante os três dias de evento.

As avenidas Pedro Teixeira e Lóris Cordovil não serão interditadas, os agentes vão apenas isolar duas faixas, para permitir o embarque e desembarque de passageiros e a circulação de pedestres, próximo ao local do evento.

A circulação dos ônibus nos dias do Boi Manaus será até a 0h, sendo que a frota vai circular normalmente de acordo com a programação do dia.

Estacionamentos

A alameda do Samba e a avenida Belmiro Vianez serão destinadas para estacionamento do público geral. Já na avenida Flaviano Limongi, só poderão estacionar os veículos com condutores credenciados pelo evento.

Continue Lendo

Entretenimento

Confira dicas de cervejas que combinam com o clima amazônico

Outubro é conhecido como o mês da cerveja e em diversas partes do mundo acontecem comemorações

Publicado

em

Manaus (AM) – Outubro é conhecido como o mês da cerveja. Em diversas partes do mundo já é tradição a realização de festas e festivais com a temática de Oktoberfest, com muita música e, é claro, cerveja gelada à vontade. Para os cervejeiros que não perdem a data, o sommelier do Pátio Gourmet, Alexsander de Oliveira, preparou algumas dicas para quem deseja explorar mais o mundo das bebidas fermentadas, levando em conta o clima amazônico.

Nos principais grupos de cervejas produzidas no mundo, entre as mais consumidas estão a Ale, mais encorpadas, maltadas e alcoólicas; e a Large, mais leves, refrescantes e menos alcoólicas. “Com esse nosso clima de verão praticamente o ano inteiro no Amazonas, as cervejas do estilo Pilsen, que são uma variação do estilo Lager, são a melhor pedida”, indica o sommelier.

Cerveja Itajahy Pilsen é uma das sugestões do especialista. Ele explica que ela não tem muita complexidade para uma harmonização e, na maioria dos casos, pode ser degustada até mesmo sem um acompanhamento. “Queijos, embutidos, linguiça calabresa, azeitonas, petiscos condimentados e palmito em conserva são excelentes combinações”, disse Oliveira.

Já no universo da Ale, a dica do sommelier do Pátio Gourmet é a La Birra American IPA. Por conta do sabor amargo e acidez característicos, devido a alta concentração de lúpulo, harmoniza facilmente com churrasco, carnes mais gordurosas como costela, cupim, picanha e embutidos.

“Para quem é amante do bom vinho ou tem dificuldade com cervejas amargas, sugiro um estilo de cerveja leve, frutado e agradável ao paladar: a Catharina Uva Goethe. Essa cerveja tem em sua composição uma uva extremamente aromática, que confere maciez no paladar e um aroma muito agradável aos consumidores iniciantes no mundo da cerveja”, explica Alexsander.

Aos fãs de uma cerveja bem encorpada, com passagem em barril, o especialista do Pátio recomenda a Leopoldina Old Strong Ale. Por sua estrutura, diz ele, deve ser apreciada à mesa acompanhada de uma harmonização com risoto de cordeiro ou ragú de costela bovina e penne. “Sempre associamos cervejas a bebidas leves e refrescantes para um dia de calor. Mas esse é um exemplo de cerveja gastronômica”, destaca o sommelier.

Alexsander informa que, do dia 28 até 31, o Pátio Gourmet estará realizando um verdadeiro festival, com mais de 50 rótulos de cervejas nacionais, importadas e especiais, para todos os paladares, com descontos durante todo o período da campanha. No dia 30, a unidade da avenida Djalma Batista e o e-commerce do Pátio Gourmet realizarão uma ação exclusiva, em que o cliente que comprar duas cervejas, de rótulos selecionados, a terceira sai por R$ 0,01.

Continue Lendo

Entretenimento

Teatro Amazonas abre agendamento para espetáculos no mês de outubro

Publicado

em

O Teatro Amazonas já está com a programação completa para o mês de outubro. Entre as atrações estão: a estreia de musical dos alunos do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, o lançamento de projeto audiovisual, o concerto da Filarmônica, a programação dos festivais de circo, o teatro e break.

Os eventos são gratuitos, com acesso mediante agendamento pelo Portal da Cultura (cultura.am.gov.br) ou pelo site do Teatro Amazonas (teatroamazonas.com.br), e apresentação da carteira de vacinação contra Covid-19, em respeito ao Decreto nº 44.442, do Governo do Amazonas.

Confira a programação:

Quarta-feira (6), às 17h e 20h

Abrindo a programação do Dia das Crianças, os alunos do curso de Teatro Musical do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro apresentam “Loft”. No musical, Ana, Noah e Guilherme estão em busca de resposta para seus sonhos e descobrem um livro de histórias musicais, que ganha vida.

Eles acreditam que o livro é uma mensagem deixada pelos seus pais que partiram para um lugar distante. Preocupados com o irmão mais velho, Ana e Noah tentam ajudá-lo a recuperar a esperança. Classificação indicativa: livre.

Quinta (7), às 20h

No encerramento do 1° Festival de Circo do Amazonas, a Cacompanhia de Artes Cênicas apresenta “O palhaço de La Mancha”, que conta a história de uma trupe de palhaços que vivia em uma cidade na Amazônia. Sininho, Caco, Pingo e Guaracy eram seus nomes, eles tinham almas fartas de sonhos, mas pobre de bens.

Eles começam a ler livros de um tal Miguel de Cervantes, tanto que se esqueceram de suas atividades cotidianas e perderam o juízo.

Foi quando veio a tormenta de suas famílias, e eles saíram por aí, como artistas de rua, contando a história de um tal palhaço de La Mancha. Classificação indicativa: livre.

Sexta (8), às 20h

Estreia do 15º Festival de Teatro da Amazônia, com o espetáculo “Fina”, do grupo Um Teatro Produções. Fina é uma menina especial. Afinal de contas, é diferente de todas as outras. Gosta de conversar com suas bonecas e morre de medo que ninguém apareça na sua festa de aniversário. No fundo, bem no fundo, sente-se um bocado solitária. Classificação indicativa: livre.

Sábado (9), às 11h

O Ateliê 23 lança o projeto audiovisual “A Bela é Poc”, composto de três obras: o videoclipe “Glowria”, o videodança “Azul” e o curta-metragem que leva o título do projeto, para falar sobre a homofobia a partir das bionarrativas cênicas, que é o uso do material biográfico e documentais em cena, uma característica da companhia amazonense.

O projeto foi contemplado no edital Prêmio Feliciano Lana, promovido pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, como parte das ações da Lei Aldir Blanc no Estado. Classificação indicativa: 16 anos.

Sábado (9), às 20h

Dentro da programação do XV Festival de Teatro da Amazônia, a Descartável Cia & Produtora Cultural apresenta o espetáculo “E o céu beijou a boca de Saturno”. Na história, após três meses de viagem, Felipe prepara uma festa surpresa para a chegada de Thiago. Entre cerveja, risos e fotografias, torna o público o principal convidado para a festa, refletindo sobre a morte do amor, o passado e as relações que construíram sua personalidade numa modernidade cada vez mais fluida, cada vez mais líquida. Classificação indicativa: 16 anos.

Domingo (10), às 19h

Continuando a programação do XV Festival de Teatro da Amazônia, a Cacompanhia de Artes Cênicas apresenta “Circo de La Mamá”. No espetáculo, a dona do circo morreu, o mágico sumiu e as outras atrações se demitiram. Lola, Teffy e Gregório são os únicos que ficaram no Circo de La Mamá, que, após a perda da matriarca, viram-se obrigados a perpetuar sua memória e tradição. No entanto, o desafio será manter um show com mais de dez atrações com uma palhaça, uma malabarista e um acrobata. Classificação indicativa: livre.

Terça (12), às 20h

A Menina Miúda Produções apresenta, dentro da programação do XV Festival de Teatro da Amazônia, o espetáculo “Menina Miúda”. Para tentar conquistar o coração de sua amada, o insistente Zé utiliza de suas aptidões e muita lábia para conquistar o coração de sua amada, sem poupar de uma boa imaginação, grandes promessas, presentes para lá de inusitados e até uma poesia bastante curiosa feita exclusivamente para Constância. Classificação indicativa: livre.

Quinta (14), às 20h

Concerto da Amazonas Filarmônica com William Hagen. O violinista norte-americano William Hagen é o solista desta noite com a Amazonas Filarmônica. O músico, premiado no Concurso Rainha Elisabeth da Bélgica, tocará o Concerto para violino de Mendelssohn.

O maestro Luiz Fernando Malheiro rege o concerto, que contará ainda com “As Hébridas” (A gruta de Fingal), também de Felix Mendelssohn. Classificação indicativa: livre.

Sexta (15), às 20h

A Flip Produções realiza a quarta edição do Festival Break The Floor América Latina. A competição internacional de break dance acontece na categoria 4vs4 (quarteto) e tem como jurados convidados Bboy Till, de Fortaleza; Bboy Roxo, de Manaus; e Bboy Pito, de Parintins. O evento conta com a presença do DJ Insano, de São Paulo. A equipe vencedora vai ganhar o título de melhor grupo de break da América Latina. Classificação indicativa: livre.

Leia mais:

Manaus recebe festival de circo com programação gratuita

Continue Lendo

Trending