Connect with us

Amazonas

Novos dirigentes do TJAM tomam posse em Manaus

Em cerimônia histórica realizada no Teatro Amazonas, ocorrida na tarde desta segunda-feira (02/01), o Tribunal de Justiça do Amazonas realizou a Sessão Solene de Posse dos novos dirigentes do órgão para o biênio 2023/2025.

Published

on

Manaus (AM)– Em cerimônia histórica realizada no Teatro Amazonas, ocorrida na tarde desta segunda-feira (02/01), o Tribunal de Justiça do Amazonas realizou a Sessão Solene de Posse dos novos dirigentes do órgão para o biênio 2023/2025.

A desembargadora Nélia Caminha Jorge assumiu a Presidência do Judiciário Estadual. Ela terá como vice, a desembargadora Joana dos Santos Meirelles. O desembargador Jomar Ricardo Saunders Fernandes, por sua vez, foi empossado como novo corregedor-geral de Justiça do Amazonas.

A nova gestão faz história, porque é a terceira vez, em 131 anos de existência, que o TJAM terá uma mulher no comando da Corte. E, pela primeira vez, numa mesma gestão, duas mulheres estarão à frente da Presidência e da Vice-Presidência do Tribunal respectivamente.

A abertura da Sessão Solene pôde ser acompanhada, ao vivo, pelo canal do TJAM no YouTube e foi aberta pelo desembargador Flávio Pascarelli, que antecedeu Nélia Caminha no cargo de presidente do Tribunal.

Mensagem

Logo no início da cerimônia, Pascarelli anunciou que o decano da Corte, desembargador João de Jesus Abdala Simões, leria uma mensagem enviada pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e diretor da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), Mauro Campbell Marques.

Advertisement

No texto, o representante do STJ reverenciou o “êxito da gestão que se encerra, rendendo homenagens ao desembargador Flávio Humberto Pascarelli Lopes, e a inauguração de uma nova gestão liderada pela desembargadora Nélia Caminha Jorge. “Ambos, além de magistrados de realce técnico e honradez, são pessoas estimadas por mim”, disse Campbell na mensagem lida por João Simões.

Agradecimentos

A seguir, em seu pronunciamento sobre o instante final de sua administração, o desembargador Flávio Pascarelli citou palavras como, gratidão e contentamento ao finalizar sua gestão, iniciada em 04 de julho de 2022; pelo apoio e contribuição de servidores, magistrados e de outras instituições que recebeu no período para realizar diversas ações.

Entre essas ações estão a convocação de servidores do concurso público; a formação de uma comissão para preparar o concurso de magistrado; a criação de novas Varas e melhorias na infraestrutura dos fóruns na capital e no interior, que teve a participação intensa da desembargadora Graça Figueiredo; além da conquista da “Categoria Ouro” no “Prêmio CNJ de Qualidade” e outros feitos que podem ser consultados no relatório de gestão disponível no portal da instituição.

“Se não conseguimos realizar absolutamente tudo o que fora traçado, ao menos aproveitamos todas as oportunidades que apareceram em nosso caminho para, de mãos dadas com os que se irmanaram comigo nesta relevante empreitada, darmos o melhor de nós mesmos durante este breve período”, afirmou Pascarelli.

Compromisso

Magistrada há mais de 33 anos, dos quais sete como desembargadora, a nova presidente do TJAM, Nélia Caminha Jorge, disse que dispõe de armas, como ética, empatia e comprometimento, assegurando honrar o mandato que assume também com a vice-presidente, desembargadora Joana Meirelles, destacando o papel de liderança e a capacidade das mulheres, igualmente aos homens, que afirmou que devem unir forças e talentos para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.



“É com grande entusiasmo e profundo senso de responsabilidade que assumo hoje a Presidência do Tribunal de Justiça do Amazonas. Aceito o desafio por ter a firme convicção de que não estarei sozinha nesta empreitada, conto com o apoio dos meus pares e dos abnegados servidores desta Corte que aceitaram compartilhar comigo a difícil, mas recompensadora caminhada pelos próximos dois anos. O que nos une nesta jornada é a verdade e a justiça”, afirmou a presidente.

Eficiência e qualidade

A desembargadora também declarou que pretende dar especial enfoque à eficiência e qualidade na gestão e na prestação jurisdicional, e que para tanto é preciso melhorar as condições de trabalho e valorizar os magistrados e servidores, tanto da capital quanto do interior. Ressaltou, ainda, a necessidade de caminhar em direção ao futuro, aperfeiçoando ainda mais as ferramentas de inovação; buscando internet de alta velocidade no interior, mas sem esquecer dos excluídos digitais, que ainda compõem parte dos jurisdicionados do Amazonas.

“Inicio esta gestão cheia de esperança, de entregar o Judiciário forte e engajado em seu compromisso constitucional. O caminho é longo, as tarefas são complexas e o tempo é sabidamente curto”, afirmou a magistrada, destacando a importância do trabalho a ser feito, e que pretende contar com a contribuição e o envolvimento de todos e com a cooperação dos poderes Executivo e Legislativo.

Advertisement

Ritos regimentais

Conforme os ritos regimentais, coube à Nélia Caminha dar posse à sua vice-presidente, desembargadora Joana Meirelles e ao corregedor-geral de Justiça, Jomar Fernandes.

O desembargador Flávio Pascarelli fez, então, o discurso de saudação aos novos dirigentes do TJAM.

“Recebam meus parabéns e sejam bem-vindas à presidência do Tribunal do Estado do Amazonas, excelentíssima senhora presidente Nélia Caminha Jorge, cuja carreira profissional é marcada por sua competência, seriedade e sensatez com que conduziu até agora a sua vida profissional e pessoal, e excelentíssima senhora Vice-Presidente Joana dos Santos Meirelles, com iguais características e experiência, certo estou de que com a sensibilidade feminina aliada à competência profissional, de ambas, teremos uma gestão profícua”, disse Pascarelli.

Dirigindo-se a Jomar Fernandes, desejou uma excelente condução à frente da Corregedoria-Geral de Justiça.

“Com leveza e bom-humor que lhe é peculiar, saberá orientar juízes e servidores quanto à prestação do serviço jurisdicional e fiscalizar o bom funcionamento da Justiça para que alcance a sua função institucional e aproxime o cidadão amazonense do Poder Judiciário”, completou Pascarelli.

Autoridades


Além dos desembargadores que fazem parte da composição do Pleno do TJAM, participaram da Mesa de Autoridades do evento, entre outras personalidades, o governador do Estado do Amazonas, Wilson Lima; o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Paulo Sérgio Valten Pereira; o presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 11.ª Região, desembargador Audaliphal Hildebrando; o prefeito de Manaus, David Almeida; o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, deputado estadual Roberto Cidade; o deputado federal Pablo Souza, representando a Câmara dos Deputados; a procuradora de Justiça Anabel Vitória Pereira Mendonça de Souza, representando o Ministério Público do Amazonas; o defensor público-geral do Estado, Ricardo Queiroz; o vereador Caio André, presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM); entre outras autoridades civis e militares.

Governador do Amazonas

Governador do Amazonas Wilson Lima ao lado dos dirigentes do TJAM – Foto: Divulgação

Em seu discurso, o governador exaltou a escolha das desembargadoras Nélia Caminha e Joana Meirelles para a condução do TJAM pelos próximos dois anos, destacou os avanços da Corte nos últimos anos, citando a gestão que se encerra do desembargador Flávio Pascarelli, de sua vice, desembargadora Maria das Graças Figueiredos, e do corregedor, desembargador Ernesto Anselmo Chíxaro, além de ressaltar a importância da parceria entre os poderes.

“Vim como forma de reconhecimento à importância que esse Poder tem e, também, para desejar sucesso à desembargadora Nélia Caminha na nova missão, juntamente com a vice Joana Meirelles e o corregedor Jonas Fernandes. E colocar o estado do Amazonas à disposição dentro dos limites do que estabelece a Constituição, entendendo que os poderes são independentes, mas precisam caminhar de forma harmônica, porque no final das contas a gente trabalha por valores e objetivos que são comuns”, declarou Wilson Lima.

Prefeito de Manaus

Advertisement
Prefeito de Manaus ao lado das novas dirigentes do TJAM – Foto: Semcom

O prefeito de Manaus, David Almeida, participouda cerimônia de posse das novas dirigentes do Tribunal de Justiça do Amazonas.

“Fiz questão de participar desta cerimônia e deixar os meus votos de sucesso para a desembargadora Nélia Caminha Jorge que terá em suas mãos uma grande missão e responsabilidade. Ela é apenas a terceira mulher que irá comandar essa casa tão importante, mas tenho certeza que, graças a sua competência que já é de conhecimento de toda a sociedade, ela terá êxito na missão. O Judiciário do Amazonas não poderia estar sendo comandado por pessoa mais competente. Que Deus a abençoe e que o nosso Estado seja o maior beneficiado da sua gestão”, enfatizou Almeida.

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

Arena da Amazônia e Arena Amadeu Teixeira têm energia cortada por falta de pagamento

Arenas da Amazônia e Amadeu Teixeira tiveram energia cortada por falta de pagamento à Amazonas Energia

Published

on

Arena da Amazônia em Manaus

Manaus (AM) – Nesta terça-feira (24), a Amazonas Energia promoveu o corte por débitos da Arena da Amazônia e Arena Amadeu Teixeira, por falta de pagamento de contas de energia elétrica.

De acordo com a assessoria da Amazonas Energia, ao todo, a dívida já supera o valor de R$39 milhões para as duas unidades consumidoras, desde o ano de 2016 até o presente ano. O governo do Amazonas seria responsável pelos pagamentos.

Após sucessivas tentativas de negociações amigáveis e com notificação prévia, a Amazonas Energia executou o corte das unidades consumidoras, consideradas serviços não essenciais e, portanto, passíveis de corte, perante a lei.

A Arena da Amazônia, estádio construído para sediar jogos da Copa de 2014, no Amazonas, durante todo o ano de 2022, acumulou uma série de eventos realizados, movimentando novamente o local e enchendo o estádio de pessoas sem, no entanto, promover o pagamento das contas de luz mensais, acumulando dívidas mês a mês.

A manobra de corte por inadimplemento, precedida de comunicação, está prevista no art. 360 da Resolução nº 1.000/2021 – ANEEL, sendo enviada de forma escrita ao Governo do Estado.

Até o momento dessa publicação, o governo do Estado ainda não havia se pronunciado sobre o corte. O espaço está aberto para a resposta em relaçao ao assunto.

Advertisement

Leia mais:

Continue Reading

Amazonas

Após revitalização, Feira do Parque 10 atrai público em Manaus

Com as reformas de mais 33 feiras e mercados em Manaus, a população manauara está transformando a simples ida a esses locais em momentos de diversão, lazer e entretenimento familiar, como ocorreu neste sábado (21), na Feira do Parque 10 de novembro.

Published

on

Feira do Parque 10 em Manaus

Manaus (AM) – Com as reformas de mais 33 feiras e mercados em Manaus, a população manauara está transformando a simples ida a esses locais em momentos de diversão, lazer e entretenimento familiar, como ocorreu neste sábado (21), na Feira do Parque 10 de novembro.

Após mais de uma década sem reformas, o espaço agora revitalizado pela prefeitura, conta com com bancas de frutas, legumes, carnes e produtos regionais, além de café da manhã, lanches e refeições.

Visitantes

De acordo com José Vieira Silva, bancário aposentado que voltou a frequentar a feira do Parque 10 após a reforma, o local está mais moderno, higiênico e com o tradicional pão com tucumã saboroso.

Leia também: Local Casa de Praia será novo ponto turístico de Manaus, diz prefeito

Feira do Parque 10 em Manaus
Feira do Parque 10 em Manaus

“Eu vinha esporadicamente antes da reforma comprar verduras, mas o local estava em péssimas condições e cheio de pombos, que não me davam segurança para consumir o café daqui. Hoje, sento aqui com a minha esposa e minha netinha, na tranquilidade, e tomo meu café, faço minhas compras para a semana e vejo as melhorias que foram realizadas”, disse Augusto Silva.

Desde seu surgimento, em 1997, a feira do Parque 10 nunca havia passado por qualquer tipo de reforma.

Advertisement

A estrutura possui cerca de 415 metros quadrados, atende 77 permissionários e gera cerca de 237 empregos diretos e 7 mil indiretos.

Próxima entrega

Ainda no primeiro bimestre de 2023 está programada a entrega da feira municipal do Quarentão, localizada na estrada da Estanave, bairro Compensa, zona Oeste.

A área está recebendo restauração da cobertura, do revestimento cerâmico, do piso e das instalações elétricas, além da drenagem e troca de portas e janelas dos boxes e lojas.


Leia mais

Novos dirigentes do TJAM tomam posse em Manaus

Advertisement

Teatro Amazonas, cartão postal de Manaus, completa 126 anos

Veja os vencedores da Corrida do Fogo em Manaus

Continue Reading

Amazonas

Local Casa de Praia será novo ponto turístico de Manaus, diz prefeito

O Local Casa de Praia fica localizado na ponta Negra, um dos principais pontos turísticos de Manaus

Published

on

Manaus (AM) – O andamento da construção do Local Casa de Praia, novo ponto turístico da cidade, localizado no complexo turístico Ponta Negra, na zona Oeste, está sendo instalado onde funcionava uma antiga casa de show, que estava abandonada há mais de 20 anos.

Para vistoriar as obras do local, acompanhado do titular da Secretaria Municipal de Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), Radyr Junior, o prefeito de Manaus visitou o complexo nesta quinta-feira (19) e destacou a importância do Local Casa de Praia para fomentar o turismo na região.

Vista aerea do Local Casa de Praia na Ponta Negra – Manaus.

“O principal ponto turístico da nossa cidade é a Ponta Negra e tínhamos esse espaço totalmente abandonado por décadas. Tivemos a ideia de revitalizarmos esse local e entregarmos de uma maneira bem melhor para a população. Ele vai se agregar às áreas turísticas da nossa cidade, nos dando uma boa condição para recepcionar, não só o turista, mas também a nossa população da cidade de Manaus”, enfatizou Almeida. Mais MANAUS

Presente no programa de crescimento econômico e social “Mais Manaus”, o local tem projeto para abrigar restaurantes, central de artesanato, áreas para exposições artísticas e ambientes abertos e fechados, com a possibilidade de se contemplar a vista, literalmente com os pés na areia.

O projeto prevê ainda um playground, áreas de convivência, passarela, mirante, quiosques e estrutura para receber shows de pequeno porte.

Questionado sobre o ganho econômico da cidade com o Local Casa de Praia, o titular da Semtepi, Radyr Júnior, explicou que a Ponta Negra irá receber um espaço adequado para a exploração turística e para a exposição de artistas locais.

Advertisement

“Aqui é um local onde iremos colocar empresas que não geram concorrência entre si, mas sim colaboram com o enriquecimento cultural e turístico do espaço. Serão empreendedores da gastronomia que poderão colaborar com a Ponta Negra, além de fomentar os artistas locais no palco interativo”, disse.

O local Casa de Praia fica no Complexo Turístico Ponta Negra, ponto turístico localizado às margens do rio Negro, rio que banha Manaus, muito frequentado pelos visitantes e população local.

Leia mais:

Escolas de samba podem consultar resultado preliminar de apoio da prefeitura

Transatlântico Insígnia abre a temporada de grandes navios em Manaus

Serafim Corrêa propõe usar fundo de turismo para levar 5G ao interior do AM

Advertisement
Continue Reading

Tendências