Entre em contato

Amazonas

Manaus aponta mais de 182 mil atendimentos em unidades de saúde

Manaus – Cerca de 182.281 pessoas foram atendidas nas 22 unidades de saúde da Prefeitura de Manaus, preferenciais para casos suspeitos de síndromes gripais e Covid-19. Os dados são dos meses de janeiro e fevereiro deste ano, com consultas médicas e de enfermagem.

Os números são do Departamento de Informação, Controle, Avaliação e Regulação (Dicar), da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e constam na base de dados e-SUS, sistema do Ministério da Saúde que concentra os dados de atendimentos de todas as cidades brasileiras.

O número representa uma média de 8.285 usuários por unidade, em 59 dias, ou 140 por dia, considerando o funcionamento em todos os dias da semana. O Serviço Móvel de Atendimento de Urgência e Emergência (SAMU 192 Manaus) registrou 2.918 ocorrências só de casos suspeitos de síndromes gripais ou Covid-19.

Para otimizar o atendimento e reduzir a possibilidade de uma maior disseminação do coronavírus, a prefeitura concentrou o acolhimento a casos suspeitos de síndromes gripais e de Covid-19 em 22 unidades de saúde distribuídas por todas as zonas da cidade, inclusive três unidades móveis que permanecem, em média, 15 dias em cada localidade onde não haja, ainda, cobertura de unidades tradicionais. Juntas, as UBSs móveis realizaram 9.975 atendimentos nesse período.

As UBSs Móveis fazem atendimentos de demanda espontânea das 8h às 17h, com equipe formada por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem e auxiliar administrativo. Além delas, outras 18 UBSs e a Clínica da Família Carmen Nicolau estão recebendo os pacientes que possam estar com a doença.

*Com informações da assessoria

Leia mais 

Amazonas recebe mais 62,8 mil doses de vacina contra a Covid-19

‘Variante amazonense’: Wilson Lima contesta utilização do termo da nova cepa do coronavírus

Prefeitura de Manaus orienta população no combate ao caramujo africano